Filmes

Guardiões da Galáxia Vol. 2 é ainda melhor do que o primeiro?

Reprodução: Google

“Agora já conhecidos como os Guardiões da Galáxia, os guerreiros viajam ao longo do cosmos e lutam para manter sua nova família unida. Enquanto isso tentam desvendar os mistérios da verdadeira paternidade de Peter Quill.”Assista ao trailer

Olá leitores!
Se você entrou nesse post justamente por causa da pergunta que aparece no título, saiba que a resposta para ela é: sim. Ainda estou com grande dúvida se o segundo filme conseguiu superar o primeiro, mas colocando na mesa todas as coisas positivas que vi nele (e que também aparecem no primeiro, mas com menor intensidade), acredito que o volume 2 tenha superado ainda mais minhas expectativas. Para aqueles que estavam ressentidos e com medo da continuação por causa da crítica tão positiva para o primeiro, não se preocupem e nem se prendam a isso. Guardiões da Galáxia Vol. 2 consegue ser tão bom quanto o seu antecessor, ou até melhor.


O elenco de guardiões se repete, tendo Chris Pratt como o Senhor das Estrelas, Zoë Saldaña como Gamora, Dave Batista como Drax, Bradley Cooper dando voz ao Rocket, Karen Gillan como Nebulosa, Michael Rooker como Yondu, Vin Diesel dando voz ao Baby Groot, entre outras novas aparições.

Reprodução: Google
Para o post não ficar tão monótono e repetitivo, decidi citar 5 coisas que mais gostei em Guardiões da Galáxia Vol. 2. Espero que esses cinco itens despertem em vocês curiosidade pelo filme e vontade de ir assisti-lo no cinema. E claro, espero que tenham a mesma experiência maravilhosa que eu tive.


A HISTÓRIA
Algo que me conquistou bastante no filme foi a história retratada. Por incrível que pareça, os trailers que saíram de Guardiões da Galáxia Vol. 2 não entregaram todo o clímax que seria visto na tela, e isso foi uma surpresa muito agradável para mim. Não sei se tive essa impressão porque não conheço as HQ’s e não sei muito sobre o universo dos Guardiões, além do que pude conhecer no primeiro filme, então todos os personagens foram novos para mim, inclusive o vilão.
O foco principal do filme é a união, a família. Nessa continuação vamos conhecer os Guardiões depois dos eventos do primeiro longa, e vamos saber como eles estão lidando juntos com novas aventuras. Há uma grande procura por aceitação, conhecer um ao outro, conviver intimamente em grupo
Eu me senti muito conectada ao Rocket e a sua maneira de ser, o seu jeito de tratar os outros, mesmo que de forma nada emotiva ou carinhosa, pois afinal esse é o jeito dele. Eu me identifiquei com o personagem e me senti na pele dele, algo que não havia sentido antes. Fiquei feliz por ter conseguido ter uma conexão ainda maior com cada personagem do grupo e também com os novos que surgiram, e acredito que a história foi um grande motivo para tal.
Além de ter momentos cômicos e de sentimentalismo, ao mesmo tempo que você irá se acabar de tanto rir, você também deixará aquela lágrima escorrer pelos olhos. É um filme muito gostoso de se assistir, com uma história muito boa de ser apreciada e sentida. A história consegue criar um grande elo com o telespectador e deixá-lo conectado a todo momento, servindo assim para que as horas passem sem ser percebidas.


A CARACTERIZAÇÃO DOS PERSONAGENS
Outro ponto que me encantou bastante em ambos filmes dos Guardiões da Galáxia é a maquiagem dos personagens. Eu fico encantada com todo o trabalho feito pela equipe de maquiagem, todo o cuidado com cada detalhe, tudo feito com muito esforço e carinho para ter um trabalho digno e que agrade aos fãs (e novos fãs).
Eu consegui ficar ainda mais maravilhada nesse segundo filme, ainda mais por ter novas raças de planetas diferentes. Foi ótimo ter esse novo conhecimento, fiquei até curiosa para saber mais a fundo sobre cada um. 
Não podemos esquecer de citar o Baby Groot, que foi muito esperado por causa de sua fofura extrema. O personagem está um amor, sendo impossível você não achar o pequenino um fofo em vários momentos. Juro para vocês que preciso de um Baby Groot o mais rápido possível.


OS EFEITOS ESPECIAIS E O 3D
A caracterização dos personagens completam-se com os efeitos visuais utilizados no filme e a forma que o 3D é trabalhado no mesmo. Tudo é muito bem encaixado e se complementam. Os efeitos especiais do filme não ficam a desejar em nenhum momento. Toda a paisagem, fotografia e cenário são muito bonitos e maravilhosos de serem contemplados. Todos os efeitos são trabalhados com maestria junto com o 3D, fazendo com que você tenha uma imersão ainda maior no filme. Você sente como se estivesse naquela planeta, ao lado dos Guardiões. Acabamos ficando tão maravilhados com as novidades e a beleza dos lugares quanto eles próprios. Assim como é algo novo para eles, também é para nós. E isso torna a experiência ainda mais pessoal e positiva.


O ESPAÇO DA GAMORA E NEBULOSA
Acredito que no primeiro filme, que foi feito mais para nós conhecermos os personagens e sabermos a motivação de cada um, temos um pouco sobre a vida pessoal da Gamora e da Nebulosa. Mesmo que a Gamora tenha um tempo maior em cena do que a Nebulosa, acredito que ambas ainda tenham sido deixadas um pouco de lado em determinados momentos, por mais que eu ache a inclusão da Gamora presente e ativa.
Assistindo ao segundo filme, tive a impressão que a Gamora e a Nebulosa ganharam um espaço maior dentro da história, a primeira principalmente. Vivendo as duas em uma briga constante durante o longa, também temos a revelação do motivo o qual resultou essa intriga entre as irmãs. Mesmo que a Nebulosa seja considerada uma vilã, já que seus atos são sempre negativos e destrutivos, é quase impossível você chegar ao final do filme sem ter um pingo de compaixão pela personagem, e arrisco até em dizer que um carinho também.
A Gamora, como sempre, esbanja um grande girl power nessa continuação, e se encaixa muito bem no papel de não ser apenas uma investida romântica para o Quill, mesmo que acabemos querendo os dois juntos no final. Ela se tornou uma das minhas personagens preferidas de super-heróis, e espero vê-la cada vez mais forte nos filmes seguintes. Só uma dica: você irá adorar uma cena de luta que há entre a Gamora e a Nebulosa. Prepare-se para perder o fôlego.


O ALÍVIO CÔMICO
Guardiões da Galáxia é conhecido pelo seu humor característico, aquele humor divertido e despretensioso que arrancará muitas gargalhadas do público, seja criança ou adulto. No segundo filme não seria diferente. 
O Drax ganha um espaço ainda maior para o seu humor com piadinhas sinceras que arrancam a maioria das risadas. O personagem tem um humor muito gostoso de ser compartilhado, sendo o maior alívio cômico da trama e trazendo uma conexão maior com ele. Tenho certeza que pelo menos uma de suas frases ficará grudada na sua cabeça ao sair do cinema.
Eu ri bastante durante Guardiões da Galáxia Vol. 2 e fiquei com uma impressão muito positiva com esse humor. Sai do cinema com um sentimento muito bom dentro de mim, é um filme que te traz muita alegria e te arranca muitos sorrisos. Aquele filme ideal para rir bastante e compartilhar as piadas ao final do filme com os amigos.

Reprodução: Google
O que eu não gostei?
É difícil pensar em algo que não tenha me agradado nesse filme. Ao meu ver, a medida usada de humor, ação e a pequena pitada de romance caíram todos muito bens na trama. Todos na medida certa. É claro que eu gostaria de ter ainda mais personagens femininas na história, mas achei que todas as que foram exploradas tiveram um ótimo espaço no filme e se destacaram ao seu modo. E a trilha sonora também volta com tudo e ganhou um espaço reservado no meu coração! Como no primeiro, a música também é muito frequente nessa continuação, sendo um personagem essencial do filme e servindo para maior imersão nas cenas.
No geral, eu gostei do filme por inteiro, então não tenho o que criticar.


Para quem vai assistir o filme no cinema, não se esqueça: há cinco cenas pós-créditos. E uma é mais legal do que a outra. Se puderem, não percam a chance de conferir todas! Além das cenas pós-créditos, os próprios créditos são interativos e legais de serem assistidos. Uma ótima maneira de manter o público esperando sem se cansar.

Mas, e aí? Vocês já foram conferir o filme nos cinemas? Estão ansiosos para assisti-lo? Eu gostei muito e estou indicando-o para todas as pessoas. Espero que eu tenha convencido você de ir assisti-lo nos cinemas o quanto antes, e que vocês gostem do novo filme dos Guardiões. Agora só devemos aguardar a nova aparição do grupo, e que venha Guerra Infinita! Um beijo e até a próxima.

26 thoughts on “Guardiões da Galáxia Vol. 2 é ainda melhor do que o primeiro?”

  1. Eu amo demais o alivio cômico nos filmes da Marval, desde a Guerra Civil, o clima dos filmes deles tem andado muito bom, não tem como não rir, até nas no meio do climax, nas cenas que em qualquer outro filme seriam as mais sérias os caras nos tiram risadas, mas sem quebrar o efeito ou deixar o filme bobo. Eu sinceramente não sou fã aventuras espaciais, por isso demorei pra assistir Guardiões, só vi o primeiro um dia antes de ver o segundo. Mas eu adorei demais esse filme. E me apaixonei pela Nebula <3 A melhor cena pra mim foi "EU SOU A MARY POPPINS"

    Bites!
    Tary Belmont

    1. Hahaha, essa cena é um amor! Os personagens de Guardiões da Galáxia são muito fáceis de te conquistar, e eu fui ainda mais conquistada no segundo. Acredito que o espaço que a Nebula teve nessa continuação serviu para nos manter ainda mais conectada a ela. Estou amando-a, assim como também amo forte a Gamora.

    1. Oi!
      Eu li o seu post sobre o filme e acho super válido os seus pontos negativos. Fico um pouco triste por saber que a sua experiência não foi tão boa quanto a minha, espero que os próximos filmes te agradem mais.

  2. Eu ainda não vi o filme, infelizmente. Tenho lido bastante resenhas que apontam que o grande destaque é esse clima de família, da convivência entre os membros. Você também destaca essa parte.
    Bom, só queria que as mulheres tivessem mais destaque, assim como você.

    Beijos

  3. Babe, confesso que "Os Guardiões da Galáxia Vol 1" já virou o meu favorito da Marvel! Eu li o seu post com medo de levar um spoiler no meio da fuça, porque ainda não consegui assistir o segundo filme, mas lendo a sua crítica a ansiedade para assistir só aumentou, então obrigada HAHA <3

    Beijos da Supimpa Girl

  4. Oie!
    Gostei de como você dividiu em temas pra falar do filme. Eu amei GG2, ainda não sei se gostei mais do que o primeiro, acho que não, mas é tão bom quanto. Só não gostei tanto da trilha, que não achei tão marcante quanto a do volume 1.

  5. Eu também adorei muito esse filme, acho que é tão bom quanto o primeiro. Tem humor, história, ri diversas vezes e fiquei impressionada com a quantidade de cenas pós créditos! Enfim, me diverti bastante com ele 🙂

  6. Bah, eu realmente não me vejo vendo esse filme, mesmo com a tua resenha super positiva e tals, porque nem do primeiro eu gostei, imagina parar pra ver um segundo?! Não gosto muito de sci-fi blockbuster, apesar de gostar bastante do gênero. Mas gosto da trilha sonora: sempre muito boa.

    ;*

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *