Literatura

Resenha: “Um cantinho todo meu” – Várias autoras

No início do mês fiz uma publicação no Instagram perguntando qual dos livros que recebi da Lendari vocês gostariam de ver uma resenha primeiro. Vários dos que mostrei na foto foram citados, mas, com toda certeza, Um Cantinho Todo Meu foi o que recebeu – e continua recebendo – mais votos.

Por ser um livro relativamente curto, decidi lê-lo logo, mesmo estando um pouco cansada de antologias. Mas, para a minha surpresa, Um Cantinho Todo Meu supriu as minhas expectativas e trouxe contos muito diferentes do que imaginei, tornando assim a minha experiência de leitura ainda mais especial.

Título: Um cantinho todo meu
Várias autoras
Quantidade de páginas: 128
Editora Callenda
Gênero:
 Ficção / Romance
Ano: 2019
Skoob: Clique Aqui
Compre: Amazon | Lendari
Minha classificação: ★★★★★ (5/5)
* Livro cedido pela editora

Um cantinho todo meu e também todo seu

Inspirado na obra Um Teto Todo Seu, da autora Virginia Woolf, a antologia nacional Um Cantinho Todo Meu traz 17 contos protagonizados por mulheres e produzidos somente por autoras. Cada história tem um pedacinho das mulheres que as escreveram, sendo impossível não ser conquistada por todas as autoras, mesmo que de maneiras diferentes.

O livro tem como objetivo conversar com o leitor sobre a importância do amor próprio e em se colocar em primeiro lugar, as dificuldades e necessidades de um amor romântico contrapondo-o com a também necessidade de uma carreira profissional, as singularidades da solidão para cada um de nós e o amor nutrido e florescido através e para um bichano.

Além disso, a obra também tem outro objetivo bastante peculiar, mas que faz toda diferença: de ser um livro conforto. Mas, afinal, o que seria exatamente isso? Bom, na minha visão, um livro conforto é aquele que nos transmite paz, que nos acolhe ao mesmo tempo em que nos abraça, que é sincero em cada palavra e que, mesmo sendo simples, é tocante e intenso. Exatamente do jeito que Um Cantinho Todo Meu é.

O livro está lindo tanto por fora, com uma capa super fofa e o corte de páginas na cor rosa, como também por dentro, com uma diagramação confortável e bonita.

Conheça os contos e as autoras:

Em No Ar, da autora Andresa Vidal, conhecemos Heloisa após o término do relacionamento com Fernando e como a voz de um desconhecido a ajudou a ultrapassar esse momento tão difícil e conturbado de sua vida. Em seguida temos Conexão São Paulo-Curitiba, da autora Ariane Corrêa, que aborda um momento sério na vida de Alice e Oscar, quando a protagonista é obrigada a escolher entre o seu futuro profissional e o homem que ama.

Entre Dois Amores, da autora Bianca Sousa, também abordará a mesma decisão difícil do conto anterior, colocando Júlia para escolher entre o marido e a profissão de cirurgiã geral. Já em 32 Passos, da autora Bruna Guerreiro, uma outra protagonista chamada Júlia tem que sobreviver a solidão – e ao amor proibido – enquanto espera atingir uma idade determinada para poder enfim receber uma herança familiar e ir embora.

Top 3, da autora Camila Pelegrini, vai trazer uma protagonista que adora fazer listas de tudo e que agora, depois de tantos relacionamentos fracassados e horríveis, ela precisa repensar suas prioridades em seu top3 de relacionamentos mais importantes da sua vida, isso antes de embarcar em um novo amor. Provavelmente o meu conto preferido da antologia.

Em Amor – Ou Quase Isso, da autora Camila Sasdelli, Coraline está prestes a passar por uma entrevista de emprego em uma revista que sempre admirou e acompanhou, porém o momento traz um encontro inesperado com o ex-namorado. Já De Volta Para Casa, da autora Carolina Mancini, abordará a vida de uma mulher indígena longe de suas raízes, culturas e povo, e o quanto isso está a corroendo por dentro.

Uma Quinta-Feira Dessas, da autora Enedina Bentes, traz Marina refletindo sobre os momentos felizes que passou ao lado de uma pessoa querida e quais foram os seus erros que o fizeram se afastar. À Primeira Vista, da autora Fernanda Chazan, traz o primeiro encontro de Renata e Pâmela e as consequências de um ciúme doentio em um relacionamento amoroso.

Em As Luzes Não São Mais Brilhantes Lá Fora, da autora Giulliana Fischer Fatigatti, conhecemos Betina, uma mulher divorciada que está sofrendo em uma sexta-feira à noite por um homem que, visivelmente, não a merece. Enquanto em Adeus, Solidão, da mesma autora do conto anterior, conhecemos Paola, uma escritora que decide colocar em palavras tudo que está lhe afligindo, principalmente sobre a separação repentina com o homem que ainda ama. Esse conto é tão emocionante e tocante, que ao final você irá querer chorar junto com os personagens.

Uma Rosa Vermelha, da autora Helena Dias, mostra o encontro entre Júlia, uma advogada da cidade, e Soraya, uma cigana que está de passagem pelo local. Com um final aberto, fiquei pensando em como isso deixará que a imaginação do leitor tome o rumo que desejar, e pela primeira vez gostei de ter contato com uma história assim. Já Eu, Com E de Eulália, da autora e organizadora Juliana Daglio, a protagonista Valéria espera por uma ligação de trabalho importante enquanto de seu apartamento observa, à sua frente, um casal de vizinhas.

Em Biscoito, da autora Martha Ricas, a protagonista passará por um momento difícil ao lado de sua gatinha Biscoito, mostrando ao leitor o quanto de sentimentos ela têm pelo bichinho. Já em Flor de Cactos, da autora Meg Mendes, conhecemos Nina, uma escritora de thrillers, que está querendo desistir do sonho da escrita por não conseguir ter um relacionamento sem que o outro a deixe por puro medo de suas obras.

Game Over Para Uns, Primeira Fase Para Outros, da autora Milena Karla, traz a relação entre mãe e filha e em como esse sentimento e companhia devem ser sempre cultivados e priorizados. Amor Através do Vidro, da autora Roberta D’Angelo Mellis, é o único que tem um protagonista diferente do habitual, nos mostrando assim a visão de um animalzinho que anseia pela atenção da mulher que ama.

Reprodução: Biblioteca Pessoal

Um livro conforto; um livro acolhedor

Faz muito tempo que não leio uma antologia e me apaixono por todos os contos, na verdade nem sei se isso já aconteceu alguma vez. Essa foi uma dessas pequenas raridades e surpresas. Não houve um que li com pressa para terminar logo ou que revirei os olhos por achar tão chato. Todos me conquistaram de maneiras singulares, me deixando à vontade com as escritas e as protagonistas.

Gostei muito disso porque ter esse resultado não é fácil, ainda mais para mim que leio antologias com bastante frequência. Então isso por si só já ganhou o meu coração. Além, é claro, de trazer um tema e focos que, mesmo sendo explorados por outras obras, tornaram-se únicos dentro da antologia.

Foi incrível ler o livro e me ver um pouco em cada personagem, sentir sua solidão e aprender com os seus passos para uma vida e convivência consigo mesma melhores. Me vi em vários lugares, várias histórias; e me senti bem com tudo que pude absorver. Acima disso, me senti grata.

A leitura é tão leve e fluida ao mesmo tempo em que é descrita através de escritas tão intensas e cheias de sentimentos, que é impossível não querer ler o livro todo de uma vez só. Eu tentei me segurar, conseguindo ficar na companhia de Um Cantinho Todo Meu durante três dias, mas, se eu pudesse, teria ficado ao seu lado ainda mais.

Também queria conseguir dar um exemplar desse para cada mulher que conheço e que precisa descobrir como o amor próprio e a solidão são companheiros essenciais e necessários na vida de cada uma. Por isso, desde que o li, digo que Um Cantinho Todo Meu é aquele livro conforto, aquele livro da vida, que todas nós deveríamos lê-lo ao menos em algum momento dessa longa e conturbada jornada.


💻 Me acompanhe nas redes sociais:
FanPage | Skoob | Instagram | Pinterest

Receba todas as nossas novidades:

3 thoughts on “Resenha: “Um cantinho todo meu” – Várias autoras”

  1. Oi Thainá.

    Este livro que você resenhou parece ser maravilhoso, tocante e intenso. Eu fiquei bem curiosa para conhecer os contos pois adoro histórias emocionantes. Já estou adicionando na lista de desejados. Parabéns pela resenha e obrigada pela dica.

  2. Olá, tudo bem? AH eu cheguei a ver esse livro lá na votação do Instagram, e acredito que cheguei a escolher ele também hehehe Fiquei surpresa em saber que traz uma perspectiva de enredo acolhedor, de segurança, o que me deixou bem mais curiosa. Ainda mais, que você curtiu todos os contos, coisa que não acontecia há tempos! Fiquei super instigada, e quem sabe eu dê uma chance quando minha vibe de antologias chegar haha Ótima resenha e fotos <3
    Beijos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *