Literatura

Resenha: “Os Animais Também Vão Para o Céu” – Vários autores

Vou começar essa resenha confessando algo pessoal: eu não tenho animais de estimação. Quando mais nova eu tive uma hamster e atualmente tenho parentes e conhecidos que têm animais em casa, mas nenhum que eu cultive uma relação mais profunda ou diária. Mas nem por isso eu me envolvo menos ou com menor intensidade com obras e filmes que tragam animais como protagonistas. Ao contrário, eu sinto e me jogo de cabeça em cada um deles.

Com o livro Os Animais Também Vão Para o Céu não foi diferente. Lá para o terceiro conto, o meu preferido da antologia, eu já podia sentir os olhos embaçando e as lágrimas querendo fugir; já sentia as mãos tremendo e o coração batendo mais forte, apreensiva com o que poderia acontecer nas histórias e curiosa para saber como cada autor e autora abordariam o tema.

E aqui vai mais uma confissão: mesmo sendo emotiva, não imaginava que esse livro iria me tocar tanto, como aconteceu. E fico feliz por isso, pois pude aproveitar a leitura de forma calma, degustando cada parte e cada protagonista da melhor forma possível. Com toda a certeza a leitura me trouxe grandes reflexões e aprendizados, e agora quero dividi-los um pouco com vocês.

Leia também: Um Cantinho Todo Meu

Título: Os Animais Também Vão Para o Céu
Organizadora: Camila Pelegrini
Vários autores
Quantidade de páginas: 272
Editora Sinna
Gênero:
 Ficção / Contos
Ano: 2017
Skoob: Clique Aqui
Compre: Amazon | Sinna
Minha classificação: ★★★★★ (5/5)
* Livro cedido pela editora

Os animais também vão para o céu…

… mas, principalmente, permanecem dentro do coração daqueles que conviveu em vida; permanece cuidando e zelando daqueles que tanto se dedicaram a lhe fazer feliz; e permanece com todos que um dia foram mais felizes com o seu animalzinho ao lado.

A antologia Os Animais Também Vão Para o Céu é composta por 22 contos, sendo escritos por autores e autoras nacionais, e traz histórias emocionantes e tocantes sobre como os animais mudam e salvam a vida daqueles que se dispõem à lhe cuidar e lhe amar. Aqui temos um leque diverso de animais de estimação, indo dos cachorros e gatos até os pássaros e hamsters, todos cheios de amor e atenção para com seus novos pais e mães.

Cada história traz seu ar singular de beleza, pureza e inquietação, resultando em uma aglomerado de contos gostosos para se ler, independente da idade que você tenha ou se tem ou já teve um animal de estimação. A antologia é feita para emocionar os leitores, e consegue fazer isso com maestria, seja qual for a sua relação particular com os animais, tendo algum mais perto de você ou não.

A emoção e a conscientização vem para todos. Digo conscientização, pois em vários contos somos expostos a importância da adoção de animais e isso fica muito claro e bem colocado nas histórias. Esse ponto é uma ótima oportunidade de abrir os olhos das pessoas para adoção e mostrar a beleza de tal ato. É quase impossível você chegar ao final da antologia e não estar totalmente doido para adotar um animalzinho, e talvez esse seja um dos objetivos do livro.

Dessa vez eu não pretendo me estender sobre cada um dos contos ou falar resumidamente das histórias. Dessa vez eu quero que você descubra cada uma por si só, através da sua própria experiência de leitura. Quero que, assim como aconteceu comigo, você se surpreenda com cada animalzinho e suas histórias de amor, cumplicidade e liberdade.


“(…) que as portas do seu coração estejam sempre abertas para receber o amor que ele merece.”

A edição da Editora Sinna está linda! A capa é maravilhosa e a diagramação traz artes individuais para cada conto e uma letra que, mesmo sendo pequena, é confortável para a leitura.

Um livro para se emocionar e curar todas as feridas

Que livro mais fofo! Quando o peguei para ler, por mais que suspeitasse ser emocionante, não imaginei que gostaria tanto de cada conto e que seria tocada de maneira diferente por cada um.

Logo no primeiro já senti que seria uma leitura leve, mas, ao mesmo tempo, difícil, já que histórias com animais nunca são fáceis de serem lidas, mesmo que sejam histórias felizes. Mesmo assim adorei cada minuto da leitura. Foi lindo presenciar como cada animalzinho transformou a vida de cada protagonista e perceber como isso é na verdade a realidade de muitas pessoas. Acredito que exatamente isso, essa veia de realidade, é o que faz com que a antologia seja tão crua, real e verdadeira.

Falando um pouco sobre a leitura num geral, só posso dizer que eu tive a melhor experiência possível com o livro. A leitura foi bastante fluida, dando até mesmo para lê-lo em apenas um dia, se você preferir. Também senti que o livro é daquelas ótimas opções para te arrancar de uma ressaca literária, pois é impossível não se apaixonar por essas histórias e querer lê-las logo com tanta vontade. Eu, por exemplo, só queria viver naquele mundinho tão real, com todos aqueles animais tão bondosos e cheios de amor que tornaram pequenas vidas tão mais significativas e fáceis de serem vividas.

Chego até a ficar sem palavras para elogiar o livro e dizer o quanto gostei dele. Pois apesar de eu não ter um animal de estimação, consegui me conectar ao livro e sentir cada página. Por isso – e por todas as inúmeras coisas positivas que já disse acima – é uma leitura que recomendo para todos!


“Não sei como podem dizer que animais não têm alma, quando, na verdade, quem não tem são alguns humanos.”


💻 Me acompanhe nas redes sociais:
FanPage | Skoob | Instagram | Pinterest

Receba todas as nossas novidades:

6 thoughts on “Resenha: “Os Animais Também Vão Para o Céu” – Vários autores”

  1. Oieeee,

    Eu também não tenho nenhum animal de estimação, mas minha irmã agora tem uma cachorrinha e sou apaixonada nela! Mas entendo seu sentimento, eu também me envolvo muito com histórias que tem animais envolvidos… Eu não conhecia esse livro e achei a capa super fofa! Amei ler a sua opinião!

  2. Oi!
    Adoro animais, eles nos alegram num dia ruim, nos apoia em tudo, nos pedindo só um pouco de carinho. Linda essa antologia, ainda não conhecia, mas vou anotar a dica aqui. Espero não chorar muito nessa antologia, pois sou uma manteiga derretida, choro quando vejo aprovações e sofrimento desses bichinhos que não sabem se defender. Parabéns pela resenha, obrigado pela dica, bjs!

  3. Olá, tudo bom?
    Eu sou uma pessoa muito, mas muito emotiva mesmo. Falou em história que envolvem animais eu já sei que vou me emocionar muito com a leitura. É fato que quando nos dispomos a amar os animais, o amor com o qual eles retribuem é incondicional e eles realmente mudam nossas vidas. Ver um livro com 22 contos com essa mensagem é maravilhoso. Já anotei a dica e espero poder ler em breve. ♥
    Beijos!

  4. Eu sou muito sensível com histórias que envolvam animais. Mesmo se elas forem felizes, sabe?
    Então pela sua resenha, já sei que iria chorar muito por mais lindo que o conto seja hahahahaha
    Eu sempre tive animais. Amo demais! E sou daquelas pessoas que não pode ver um na rua que já quer trazer pra casa.

  5. Só pela premissa já me interessei pela história, já que eu amo de paixão histórias que falam sobre os animais domésticos e a importância deles. Esse livro parece ser muito sensível e somente pela sua resenha já me interessei a lê-lo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *