Literatura

Resenha: “Rudamon, o novo heroi” – Demetrio Alexandre Guimarães

 

Foto retirada do Skoob             


Rudamon: o novo heroi
Autor: Demetrio Alexandre Guimarães
Publicação independente. 
Ano: 2013
Minha classificação: ★★★ (3/5)
Adicione no Skoob
*E-book cedido pelo autor
O mundo está feito e será habitado por humanos, porém, alguém precisa aconselhá-los e conduzi-los até seu destino. Deus Rá, sabendo disso, decide enviar o semideus Disebek pra cumprir esta tarefa. Mas, as coisas acabam não acontecendo como o esperado. Uma serpente chamada Apóphis junto com o deus Seth entram no caminho de Disebek e o convencem a se juntar a eles para destruir a harmonia do mundo, ou seja, para fazer o mal. Ao aceitar a oferta, Disebek é preso por Rá em um cubo de ouro e enterrado abaixo das areias, sofrendo severas consequências. 
Rá com a ajuda do deus Osíris cria uma máscara faraônica e adiciona os poderes de Rudamon nela. Esta máscara será usada para espalhar o bem na terra e derrotar Disebek caso ele saia do cubo, mas, ela só poderá ser usada pelo homem que tiver o coração mais puro.

Osorkon mora em São Paulo, é biólogo e especialista em escorpiões. Nutre uma paixão por escorpiões desde sua infância. Essa paixão resultou em uma tragédia em sua família e o fez querer estuda-los cada vez mais. Ficou conhecido ao inventar os antídotos OSK1 e OSK2 que são muito eficazes contra o veneno de escorpiões. 
Logo após apresentar uma palestra sobre os seus antídotos ao mundo, Osorkon recebe um email da OSWH (Ordem Secreta dos Waja-Hur) que diz precisar de seus serviços no Egito. No email é relatado acidentes que estão acontecendo com os moradores, pessoas estão morrendo com picadas de escorpiões desconhecidos, e ele é quem poderá descobrir que tipo de espécies são essas. 
Chegando lá, Osorkon sofre um acidente e descobre que as mortes não passam de mentiras feitas para atraí-lo. Embora essa parte envolvendo as mortes não seja verdadeira, a outra é, e o OSWH precisa da ajuda dele para derrotar algo maior.

Minha opinião
É ótimo ver autores brasileiros se aventurando em fantasias e em outros estilos menos explorados. Eu adoro conhecer autores novos e quando são brasileiros bate aquele orgulhozinho, sabe? Principalmente quando te surpreendem. E eu me surpreendi.
Eu gostei da história e do jeito que o Demetrio escreve, mesmo eu achando que algumas coisas ainda precisam ser melhoradas, mas acho que isso vai acontecendo de acordo com a evolução da escrita de cada escritor.
Ele nos envolve com deuses antigos e uma ideia de um mundo melhor. Ele faz você querer que exista o Rudamon na vida real, aliás, teríamos um mundo sem maldade e sem todas essas tragédias que vem acontecendo aos montes. Quando terminei a leitura, eu quis que o Rudamon existisse. Eu queria que o personagem saísse das folhas e se tornasse real. Esse é o tamanho do impacto que o personagem causará em você.
Demetrio é um dos parceiros do blog, e eu fiquei muito feliz com isso. Além de poder conhecer seu trabalho, também pude bater um papo com ele e ter a oportunidade de selar uma parceria. Mas, lembrem-se: através da parceria eu conheço o trabalho do escritor, mas minha opinião será mantida e discutida aqui no blog independente de ser positiva ou negativa. Nesse caso, minha opinião foi positiva, e muito.
Eu dei três estrelas no Skoob porque acho que muitas coisas precisam ser melhoradas. Não a história em si, pois eu a achei ótima, mas a escrita seria uma delas, como eu disse anteriormente. 
Se eu não me engano, o livro será uma trilogia e eu pretendo, com toda certeza, continuar a leitura dela. Eu recomendo a leitura e espero ter despertado algum interesse em vocês. É ótimo pra descontrair e muito bom pra aqueles momentos que precisamos de uma leitura mais leve. A leitura fluiu super bem e eu finalizei o livro até bem rápido. E olha que eu não gosto de ler ebook, e esse foi super fácil e gostoso. 
Se vocês tiverem interesse em adquirir, é só ir na página do Demetrio e falar diretamente com ele. Um beijo e até a próxima.

6 thoughts on “Resenha: “Rudamon, o novo heroi” – Demetrio Alexandre Guimarães”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *