Literatura

Resenha: “Janela de Isabela” – André Castilho

Na maioria das vezes eu começo uma leitura sem criar muitas expectativas, sem esperar ser cativada ou imersa pela história. Digo isso porque quando crio muitas expectativas a chance de me decepcionar é muito grande, ainda mais quando o livro é daqueles hypados, cheios de opiniões iguais pela Internet.

Felizmente esse ano eu estou conseguindo manter um ritmo de leituras muito bom e, ao mesmo tempo, conhecer histórias que estão me cativando do início ao fim. Com Janela de Isabela não foi diferente, tendo uma protagonista que me conquistou logo nas primeiras páginas.

Título: Janela de Isabela
Autor: André Castilho
Ilustrador: Fabiano de Queiroz Tatu
Quantidade de páginas: 76
Editora ALMA Books
Gênero:
 Ficção / Infanto Juvenil / Drama
Ano: 2019
Compre: Versão física | Baixe gratuitamente o e-book
Minha classificação: ★★★★★ (5/5)
* E-book cedido pelo autor

A cura pela imaginação

Isabela é uma criança de 10 anos que luta diariamente contra o câncer. Tendo ao seu lado o seu pai e a sua avó, Isabela vive cada dia dando-lhes o melhor sorriso que consegue, mesmo que em alguns dias a dor da quimioterapia tente vencê-la – às vezes conseguindo.

Quando a menina é obrigada a passar um tempo internada no hospital, em uma sala sem cor, sem televisão e sem vida, Isabela descobre o poder da imaginação. Através dos ensinamentos e da insistência constante de sua vó Clotilde para animá-la, a menina descobre que pode criar um mundo inteiro em sua cabeça só de olhar para fora da janela – mesmo que em alguns momentos ela queira estar realmente lá fora.

Com isso cria-se uma magia em volta da janela e da mente de Isabela. Ela descobre que a imaginação é muito mais poderosa do que os desenhos animados que passam na televisão e que podem consumi-la de uma maneira nada positiva. Além disso, da companhia de si mesma e de sua boneca inseparável, a menina também será visitada constantemente por sua enfermeira Nina, a qual nutre um grande e sincero carinho.

O narrador também se mostra ativo e divertido, falando conosco à todo momento e dando sua opinião sobre as atitudes de Isabela. É engraçado acompanhar suas observações e depois quando percebemos já nos tornamos amigos íntimos do próprio.


“Adultos são sérios porque perderam a capacidade de imaginar. A vida é muito menos dura quando você põe uma pitada de imaginação. Os desenhos animados, os filmes, as séries que você adora… são todos escritos por adultos que não perderam a imaginação. Pelo contrário, de tanto ficar imaginando, eles acabaram criando um mundo próprio.”

O livro contém ilustrações lindas que deixam o miolo e a história ainda mais encantadores.

Um livro, uma causa.

Janela de Isabela, além de ser uma obra literária, é um projeto que incentiva doações ao Grupo de Apoio ao Adolescente e à Criança com Câncer (GRAACC), um hospital que ajuda anualmente e gratuitamente mais de 5 mil crianças e adolescentes com câncer.

Como iniciativa para trazer mais pessoas para dentro do apoio à GRAACC, o autor decidiu ceder gratuitamente a versão digital de seu livro e, assim, convidar todos os leitores a doarem qualquer quantia para o hospital.

Janela de Isabela aborda o câncer infantil de uma forma verdadeira e tocante, deixando uma marca e um pensamento únicos em cada leitor que tem contato com essa belíssima e inspiradora história. Apoie a causa e conheça como a Medicina da Imaginação pode curar as dores, os medos e as limitações de Isabela.

Reprodução: Biblioteca Pessoal

Uma história para ser contada e sentida.

Senti tantos sentimentos conflitantes com essa leitura que se eu citasse apenas um estaria mentindo. Eu me conectei rapidamente e facilmente com a Isabela, me sentindo feliz e divertida com as suas imaginações doidas, me sentindo reflexiva nos momentos em que ela pensava e repensava em seus atos – mesmo ainda sendo uma criança -, e também me senti triste quando a dor e o pesar invadiam a história.

Posso dizer, inclusive, que não apenas senti, mas também aprendi com a Isabela. Ela tem certas reflexões que também fazem o leitor parar e pensar, principalmente sobre família e a sua própria doença. Algo que poderia ficar forçado, por conta da idade dela, ficou transparente e tocante, nos induzindo a refletir junto com a personagem.

Mesmo que seja uma leitura rápida, já que flui de uma maneira incrível, e tendo uma escrita fácil, mas adequada, o livro consegue ser enriquecedor, independente da sua idade e da sua vivência de mundo. A história se mostra importante e até mesmo necessária para todos os públicos, seja para os mais jovens ou mais velhos.

Por isso sinto que Janela de Isabela é aquele tipo de livro que deve ser recomendado para todos e lido ao menos uma vez na vida. Você pode lê-lo tanto individualmente como também com o seu filho ou filha, o que deve tornar a experiência ainda mais íntima e enriquecedora.


“Sabe, tem gente que nasce para aprender durante a vida. Mas crianças como você, Isabela… crianças como você vem para o mundo para nos ensinar.”


💻 Me acompanhe nas redes sociais:
FanPage | Skoob | Instagram | Pinterest

Receba todas as nossas novidades:

1 thought on “Resenha: “Janela de Isabela” – André Castilho”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *