Literatura

Resenha: “As Empoderadas” – Germana Viana

Grandes poderes trazem grandes ensinamentos feministas e muito girl power!

Quando inexplicavelmente uma tempestade solar atinge a Terra, superpoderes são distribuídos para alguns cidadãos ao redor do mundo. Entre os sortudos se encontram três mulheres, que mesmo tão diferentes entre si veem nesse acaso misterioso uma chance de cultivar uma amizade e compartilhar o apoio necessário que cada uma precisa.


Esse trio de amigas é composto por Dani, uma mulher casada e mãe de duas meninas, que descobriu após o acidente ter uma pele de aço e uma força inacreditável; Fabi, uma mulher solteira que adora baladas e que ganhou o poder de ficar intangível, ou seja, ela consegue atravessar paredes e prédios e ainda voar; e Li, uma moça lésbica, nerd e tímida que agora consegue se transformar em um dragão de água. Juntas, além de grandes amigas, formam “As Empoderadas”, as super heroínas.


Embora o principal objetivo do grupo seja combater bandidos e pessoas que estão usando os superpoderes para o mal, os questionamentos abordados pelo trio vão além de inimigos superficiais e levantam alguns debates importantes. Mesmo que estejam cheias de dúvidas, a força feminina e da amizade faz com que as mulheres se unam cada vez mais e se tornem uma família, estando prontas e parceiras para os momentos bons e ruins.


Com isso em mãos, a autora constrói um vilão que não é distante da nossa realidade e muito menos impossível de encontrarmos em nosso dia a dia, pois o maior trabalho para As Empoderadas será combater e vencer um homem grotesco e machista que discursa negativamente sobre as mulheres, sempre desacreditando em suas forças interiores e exteriores. Exatamente como a sociedade em que vivemos.

Reprodução: Biblioteca Pessoal

Apaixonante, inspirador e representativo.

Um quadrinho que, mesmo confuso no início, me fisgou logo nas primeiras páginas. As protagonistas são carismáticas, verdadeiras e realistas. Os debates colocados na história, mesmo que sutilmente e nada agressivo, são de suma importância e nos trazem reflexões. É um acoplado de temas necessários e personagens inspiradores. E aqui abro uma citação especial para o marido e as filhas da Dani que são personagens extremamente adoráveis, se tornando peças chaves para o desenvolvimento do trio principal e da história vivida por elas. Cada aparição é um suspiro ou uma risada.


Conheci a Germana na CCXP do ano passado e a adorei logo de cara; super simpática e carismática, me dedicou toda a atenção que pode e ainda conversou por um tempo comigo. Não esperava receber tanto carinho e amor, o que fez com que o contato se tornasse extremamente especial para mim. Não cheguei a dizer isso a ela, nem pessoalmente e nem nas redes sociais, mas estou a admirando cada vez mais.


Voltando ao quadrinho, a autora fez um trabalho brilhante que rapidamente virou meu queridinho. Eu virava as páginas com ansiedade para ter um pouquinho mais de cada personagem, para conhecê-las melhor, estar ao lado delas. Eu tive tantas sensações durante a leitura – ri, sorri e chorei – que ainda consigo sentir cada uma delas só de lembrar dos diálogos e das cenas. Além do roteiro, a arte também é da própria Germana, deixando a HQ com um gostinho de intimidade. Não consigo enxergar a história se não contada totalmente pelas mãos dela.


Porém, nem tudo consegue ser sempre feliz, não é mesmo? O final deixa um gancho enorme para o segundo volume e agora não sei o que fazer da minha vida sem a continuação. Por isso, deixo aqui um pedido, caso a Jambô esteja lendo essa resenha: por favor, publiquem o volume 2 logo! Eu realmente não sei o que farei longe d’As Empoderadas. E você, o que está fazendo longe dessas mulheres maravilhosas? Goste ou não de quadrinhos, a indicação é certeira para todos!


Faça sua compra na Amazon através do nosso link (clique aqui) e ajude o blog a manter-se ativo. Sem taxas ou inclusão de valores, você estará nos ajudando a continuar trazendo conteúdo.


💻 Me acompanhe nas redes sociais:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *