Literatura

Resenha: “Dragões do Alvorecer da Primavera” – Margaret Weis e Tracy Hickman

⚠ Esta resenha de Dragões do Alvorecer da Primavera contém spoiler dos volumes anteriores. Leia-a por sua conta e risco. ⚠

Esse terceiro livro da trilogia consegue fechar com chave de ouro essa jornada épica e surpreendente, sendo certeiro e completo! Cheio de plots twists e com ação do início ao fim, a trilogia se encerra com um gosto agridoce através de suas ações e deixa imediatamente uma grande saudade dos personagens.

Reprodução: Biblioteca Pessoal

“Eles entenderiam mal, pensariam que estava chorando de medo. Não, o medo de morrer era algo que ela conquistara há muito tempo. Seu maior medo era o de morrer sozinha.”

Leia também: Dragões da Noite do Inverno, de Margaret Weis e Tracy Hickman

Título: Dragões do Alvorecer da Primavera
Crônicas de Dragonlance #3
Autores: Margaret Weis e Tracy Hickman
Quantidade de páginas: 416
Jambô Editora
Gênero:
 Ficção / Fantasia
Ano: 2020
Skoob: Clique Aqui
Compre: Amazon | Jambô Editora
Minha classificação: ★★★★★ 
(5/5+favoritado)
* Livro cedido pela editora

A batalha final contra a Rainha das Trevas

Os orbes do dragão e as lanças do dragão são as maiores esperanças para derrotar a Rainha das Trevas e os seus exércitos. Mas apenas isso será o suficiente? Onde estão os dragões bondosos e por que eles não estão ajudando nessa batalha?

Nesse momento, o grupo se encontra dividido. Mas cada um, individualmente, precisa lidar com suas próprias incertezas e com o medo; alguns, particularmente, precisam encarar antigos amores e outros, traições. Um novo e inesperado comando surge, e com isso um pingo de esperança é aceso no coração de todos.

Nessa conclusão da trilogia, há uma atmosfera ainda mais sombria, intensa e de perdas, deixando o dark fantasy ganhar ainda mais espaço durante os momentos finais. Também há o crescimento e a estagnação de certos personagens, a construção individual de cada um; nós tememos por eles e sentimos a dor de perto, por dentro.


“A escuridão pode conquistar, mas nunca pode extinguir a esperança. E embora uma ou muitas velas pudessem vacilar e morrer, novas velas seriam acesas a partir das anteriores.”

Reprodução: Biblioteca Pessoal

Dragões do Alvorecer da Primavera é uma conclusão épica, digna de toda a trilogia e feita para massacrar até os corações mais fortes

Não é novidade para ninguém que a trilogia Crônicas de Dragonlance me conquistou desde as primeiras páginas do primeiro livro. Eu fiquei simplesmente apaixonada pela construção de mundo, pelos personagens e pela aventura que estava se desdobrando. Arrisco até em dizer que esse primeiro livro foi fundamental para meu amor, agora concreto, por fantasias.

O grupo me acolheu como um deles, me mostrou a vastidão da história e como em cada um deles havia camadas internas. Li esse terceiro livro devagar, durante quase dois meses, porque eu não queria que terminasse, mesmo que, ao mesmo tempo, eu desejasse saber logo o desfecho. Eu queria ter passado mais tempo com o grupo, gostaria de ter juntado todas as peças e evitado todas as tragédias, desejei uni-los novamente e ansiei por um final feliz.

Aqui, temos as consequências da guerra, com um final agridoce que nos deixa felizes e tristes, tudo de uma vez só; os sentimentos são tantos e tão conflitantes. Eu mal terminei o livro e já estou com saudades desse grupo de amigos, dessa aventura louca de vida ou morte e da união que presenciei entre eles; já estou com saudades das brigas, das loucuras, das risadas.

Eu amei tanto essa trilogia que favoritei os três livros e agora me sinto órfã de tudo. Preciso demais da próxima trilogia que trará de volta alguns desses personagens em um futuro não muito distante (e que já está sendo publicada pela Jambô). Sei que recomendarei essa trilogia sempre e de olhos fechados, seja para fãs de fantasia ou, assim como eu era, para aqueles que ainda não encontraram o seu mundo fantástico favorito.


💻 Me acompanhe nas redes sociais:
FanPage | Skoob | Instagram | Pinterest


Faça sua compra na Amazon através do nosso link (clique aqui) e ajude o blog a manter-se ativo. Sem taxas ou inclusão de valores, você estará nos ajudando a continuar trazendo conteúdo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.